quarta-feira, 12 de julho de 2017

PROJOVEM CAMPO – SABERES DA TERRA ENTREGA CERTIFICADOS EM SIMÕES

  O ProJovem Campo - Saberes da Terra oferece qualificação profissional e escolarização aos  jovens agricultores familiares de 18 a 29 anos que não concluíram o ensino fundamental. O programa visa ampliar o acesso e a qualidade da educação à essa parcela da população historicamente excluídas do processo educacional, respeitando as características, necessidades e pluralidade de gênero, étnico-racial, cultural, geracional, política, econômica, territorial e produtivas dos povos do campo.
Implementado em 2005, a ação que se  denominava Saberes da Terra integrou-se dois anos depois  ao  Programa Nacional de Inclusão de Jovens  (Projovem), cuja a gestão é da Secretaria Nacional de Juventude.

 Os agricultores participantes recebem uma bolsa de R$ 1.200,00 em 12 parcelas e têm de cumprir 75% da frequência. O curso, com duração de dois anos, é oferecido em sistema de alternância, intercalando tempo-escola e tempo-comunidade. O formato do programa é de responsabilidade de cada estado, de acordo com as características da atividade agrícola local.
  Em Simões foram entregues certificados do ensino fundamental a alunos de várias localidades e povoados.

 José Wilson de Carvalho (Zé Wlisses) prefeito municipal de Simões, expressou a sua alegria em participar do momento de encerramento do projovem campo, ao tempo que parabenizou a cada aluno que conseguiu chegar a receber o certificado, concluindo o curso com sucesso. Desejou a todos que continuem a caminhada estudantil em busca de novas conquistas, especialização profissional, assegurando melhores condições de vida. Foram feitas várias apresentações por alunos de várias escolas.
  Iris Elaine Dantas, secretária da educação de Simões, em seu discurso, disse  que foram oferecidas 75 vagas para pessoas que por algum motivo se atrasaram nos estudos, ou perderam oportunidade de concluir na idade certa.

 O provem chegou como oportunidade para que o cidadão simonense pudesse complementar sua formação educacional e ao mesmo tempo receber qualificação profissional. Disse também, Elaine, que esses dois anos foram de grande valia para cada um.
  Marizete Feitosa, coordenadora do projovem campo, agradeceu aos professores pela parceria e dedicação intensa nesses dois anos de curso. O projovem campo foi um aprendizado para suas vidas.

Nenhum comentário:
Escreva comentários

Posts Recomendados ×