Eventos

W. DIAS NÃO AUTORIZOU REABERTURA AINDA: DIA 8 ELE DIVULGA CRITÉRIOS


W. DIAS NÃO AUTORIZOU REABERTURA AINDA: DIA 8 ELE DIVULGARÁ CRITÉRIOS.
Meionorte
O governador Wellington Dias não autorizou a abertura da construção civil, setor automotivo e saúde em geral a partir do dia 8 de junho. O que ele fará, na segunda-feira, dia 8, é explicar os critérios que esses setores precisarão cumprir para reabrir primeiro, em data ainda a ser definida. Isso coloca governador e prefeito Firmino Filho em sintonia, pois é o tempo que o gestor municipal pediu para garantir uma reabertura mais segura na capital, após a implantação dos novos leitos de UTI.
O esclarecimento foi feito ao blog pelo coordenador estadual  de Comunicação Social, jornalista Alisson Bacelar.
O combinado entre os gestores, portanto, não foi rompido. Permanece a sintonia.
Empresas precisarão se adequar para retomar atividades
A flexibilização de algumas áreas econômicas anunciadas pelo Governo do Estado neste final de semana não autoriza que as empresas abram suas portas já nesta segunda-feira (8). Para que os serviços possam ser retomados, será necessária uma série de adequações e a assinatura de um termo de compromisso com o protocolo sanitário. Nesta segunda, às 9h, o governador Wellington Dias anuncia as normas que cada empresa deverá seguir para poder reabrir suas portas.
Segundo do secretário de Governo, Osmar Junior, as empresas das áreas econômicas permitidas deverão assinar um pacto se comprometendo com o protocolo técnico que estabelece condições para a reabertura. Neste protocolo haverá parâmetros epidemiológicos, sanitários e econômicos. 


“Qualquer empresa que deseje retomar suas atividades, somente poderá reabrir suas portas após assinar esse termo de compromisso com o protocolo. Elas precisarão, ainda, fazer todas as adequações necessárias e, apenas após esse processo poderão dar início à atividade do empreendimento”, explicou Osmar, destacando que o início desse fluxo se inicia nesta segunda e não a abertura das empresas. 
Para acompanhar esse processo de adesão ao Pacto de Retomada Organizada e as adequações necessárias, o governador irá criar um comitê que será responsável pelos pareces técnicos e regulará as medidas de restrição das atividades dos setores econômicos. A adesão das empresas poderá ser feita por meio eletrônico.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.