Eventos

JUSTIÇA FEDERAL SUSPENDE PROCESSO ELEITORA DA UFPI EM 2020

Universidade Federal do Piauí - UFPI — Foto: Fernando Brito/G1
A Justiça Federal, através do juiz Brunno Christiano Carvalho Cardoso, da 5ª Vara Federal Cível,  decidiu suspender, em caráter cautelar,os trâmites do processo eleitoral para escolha dos próximos reitor e vice-reitor da Universidade Federal do Piauí (UFPI), para o quadriênio 2020-2024.
Justiça suspende eleição de novo reitor na UFPI – Foto: Arquivo/Jornal Meio Norte
Na decisão, o juiz, acata os argumentos apresentados pela candidata Sandra Ramos (Chapa 01), que questiona a segurança do sistema de votação eletrônico utilizado na consulta acadêmica realizada no último dia 12 de agosto.
A candidata também argumenta que  não teve acesso a lista com o endereço e e-mail dos docentes e alunos da UFPI aptos a votarem, o que comprometeu seu contato com a comunidade acadêmica para divulgação das propostas de campanha.
Por meio da decisão judicial, fica suspensa a reunião do Conselho Universitário (CONSUN) marcada para esta quarta-feira (26), que definiria a lista tríplice a ser encaminhada à Presidência da República, para escolha do futuro reitor da UFPI.
A suspensão temporária não trará prejuízos ao processo de formação da lista tríplice. A Superintendência de Comunicação da Universidade Federal do Piauí convocou para quinta-feira (27) uma entrevista coletiva para esclarecer questões relacionadas ao processo da formação da lista tríplice para escolha do futuro reitor.
“Até para a própria instituição de ensino, não se revela razoável realizar amanhã reunião de seu Conselho, para votação e proclamação da aludida lista tríplice, sob o receio de posterior anulação judicial, de modo que a suspensão provisória de tal ato coletivo virtual constitui-se a solução adequada nesse contexto”, diz a decisão.
Fonte: Meio Norte

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.