Eventos

PIAUÍ ENTRA NA TERCEIRA SEMANA DE QUEDA DE ÓBITOS POR COVID-19

MESMO COM RETOMADA ECONÔMICA
O Piauí entra na terceira semana consecutiva de queda no número de óbitos por Covid-19, desde que a pandemia chegou ao estado, em março. Segundo o boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), na 32ª semana epidemiológica, foram registradas 111 vítimas fatais da doença, contra 126 da semana anterior e 32% menor do que na 29ª semana, quando começou a queda.
Quando comparada com a semana 27, em que foi registrado o pico de mortes até agora, com 192 vítimas, a queda é ainda maior: 42%.  A redução de novos óbitos é um dos critérios que a Organização Mundial de Saúde (OMS) usa para indicar possível controle da pandemia.
O índice de ocupação de leitos de UTI também segue caindo: nessa segunda-feira (10), 261 estavam ocupados, representando 57,3% dos 455 leitos existentes, bem abaixo do pico, alcançado em 5 de julho, quando 330 leitos estavam ocupados, 75% do total.
O governador Wellington Dias comemora o resultado, principalmente considerando que o Piauí completou na semana passada um mês da reabertura das atividades econômica. Ou seja, apesar do aumento da circulação de pessoas, a quantidade de pacientes graves cresce cada vez menos. “Isso significa que todas as nossas ações, somadas à conscientização da população, estão surtindo efeito”, afirma o gestor.
A retomada das atividades da economia tem sido feita de maneira organizada e controlada, seguindo o Pacto de Retomada Organizada das Atividades Econômicas – Pro Piauí, elaborado pelo Governo do Estado em parceria com outros poderes e a sociedade civil para garantir que a economia volte a girar sem que gere risco à população. Nessa segunda-feira (10), iniciou uma nova fase do Pro Piauí, com reabertura de alguns setores, como salões de beleza.
As outras medidas adotadas pelo Governo do Estado, desde o início da pandemia, foram a determinação do fechamento de várias atividades econômicas, campanhas educativas sobre os cuidados com higiene, uso de máscaras e distanciamento social, investimentos em novos leitos hospitalares, instalação de barreiras sanitárias nas divisas do Piauí com outros estados e a criação do programa Busca Ativa.

Fonte: Com informações da Ascom

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.