Eventos

SECRETARIA CORRIGE ÓBITO POR COVID-19 DE HOMEM QUE MORREU EM ACIDENTE

CASO FOI EXCLUÍDO 
Fonte - 180graus
Após o 180 divulgar o caso de um homem que morreu após um acidente e teve a morte registrada como Covid-19, a Secretaria de Saúde do Piauí fez a correção do caso. A exclusão foi divulgada na noite desta quinta-feira (13/09).
"Foi excluído do boletim desta quinta-feira um óbito da cidade de Paulistana, registrado ontem. O CIEVS revisou a causa mortis do paciente, que embora tenha positivado para Sars-Cov-19, faleceu em decorrência de traumatismo cranioencefálico. Com isso, o município segue sem nenhum óbito por Covid-19".
A prefeitura de Paulistana também se manifestou através de nota:

A PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULISTANA-PIAUÍ, vem por meio da Secretaria de Saúde esclarecer alguns fatos e polêmicas envolvendo a NOTA OFICIAL divulgada ontem, dia 12/08/2020.

O jovem de 33 anos foi vítima de um grave acidente de moto que aconteceu no último sábado (08) nas proximidades da localidade Lagoa Velha, Data Jacaré, Zona Rural de Paulistana. O mesmo foi socorrido e levado para o Hospital Regional Mariana Pires Ferreira, sendo transferido para Picos e em seguida para Teresina.
Em Teresina, no HUT - Hospital Professor Zenon Rocha, o mesmo foi submetido ao Teste Rápido e o resultado foi POSITIVO para COVID-19.
Ressaltamos que o teste foi realizado em TERESINA e que a DECLARAÇÃO DE ÓBITO, na qual consta na parte II SARS- COV-19 foi emitida em TERESINA, precisamente pelo IML (Instituto Médico Legal).
Assim sendo, gostaríamos de esclarecer que as informações contidas no BOLETIM DO DIA 12/08/2020 foram obtidas através de documentos e informações oficiais vindas de TERESINA e que quaisquer questionamentos devem ser esclarecidos diretamente no HUT - Hospital Professor Zenon Rocha, que notificou no sistema oficial, SIVEP-Gripe, o resulltado do Teste Rápido POSITIVO do jovem, e a SESAPI (Secretaria Estadual da Saúde do Piauí) registrou no Boletim Epidemiológico COVID-19 do Piauí, como o 1º Óbito por COVID-19 de Paulistana, que está disponível no endereço eletrônico https://datastudio.google.com/reporting/a6dc07e9-4161-4b5a-9f2a-6f9be486e8f9/page/2itOB.
Gostaríamos de ressaltar ainda, que Secretaria de Saúde de Paulistana só divulga quaisquer informações com base em documentos comprobatórios, e a mesma sempre age com ética e respeito ao divulgar as informações, pois tudo o que foi transcrito na Nota Oficial de ontem, estava nos documentos oficiais recebidos de Teresina e que estes não serão divulgados nas mídias sociais por questão de ética e profissionalismo.
A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) está à disposição para demais esclarecimentos e disponível para fazer correção de qualquer informação, desde que seja oficialmente enviada para SMS por meio dos órgãos competentes.
Sobre o caso
A Prefeitura Municipal de Paulistana, por meio da Secretaria de Saúde informou, que o primeiro óbito por Covid-19 da cidade aconteceu na noite da última segunda-feira (10/08), em Teresina, no caso de um homem que estava internado após sofrer um acidente de moto.

LEIA TAMBÉM

Homem de 33 anos é o 1º óbito por Covid-19 registrado em Paulistana
Valdiron Osvaldo de Souza, de 33 anos, foi vítima de um grave acidente de moto que aconteceu no último sábado (08/08), nas proximidades da localidade Lagoa Velha, Data Jacaré, Zona Rural de Paulistana.

Ele foi socorrido e levado para o Hospital Regional Mariana Pires Ferreira, sendo transferido para Picos e em seguida para Teresina em decorrência da gravidade dos ferimentos.
No Hospital de Urgência Teresina, foi submetido ao teste rápido e o resultado foi positivo para Covid-19, vindo a óbito logo após, tendo como causas principais da morte acidente de tráfego com traumatismo cranioencefálico e como causa contribuinte a Sars-Cov-19.
"Lamentamos profundamente o ocorrido e aproveitamos para transmitir o nosso pesar à família que sofre com a perda de um ente querido", informou a secretaria em nota.

População questiona
O caso gerou uma grande polêmica. Nas redes sociais da secretaria vários internautas se manifestaram sobre o caso.
"Não faz sentido colocar como o primeiro óbito por covid-19. O rapaz morreu em decorrência do acidente. A nota deveria apenas informar que, após teste rápido, ele testou positivo. Mas atestar como primeiro óbito, não. O Ministério da Saúde deveria ter algum tipo de protocolo nesses casos, porque é bastante confuso", comentou uma mulher.
"Se a causa da morte foi traumatismo não existe coerência alguma com o Covid-19. O rapaz morreu com Covid-19 e não de Covid-19. As coisas devem ser consideradas como de fato são", disse outro internauta.
Caso registrado no relatório estadual
Esse óbito também foi registrado, além do relatório do município, no estadual, que considerou a morte dele em decorrência do coronavírus nesta quarta-feira (12/08).


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.