Eventos

SÃO JULIÃO-PI | APÓS PERDER ALIADOS, PREFEITO DR. JONAS, DESISTE DA CANDIDATURA A REELEIÇÃO - FAMILIARES ALEGAM PROBLEMAS DE SAÚDE

 

Um texto que vem circulando nos grupos do aplicativo ‘WhatsApp’ relata a resistência do prefeito de São Julião-PI, Dr. Jonas (PSB), em disputar um novo mandato nas eleições do dia 15 de novembro.

Por Piauí em Foco, com informações do Portal NPM.

A autoria do texto é supostamente atribuída a algum familiar do próprio gestor, que teria inicialmente enviado nos grupos da situação e posteriormente compartilhado nos demais.

Como consta na mensagem que circulou nas redes sociais nessa quinta-feira, (03/09), o prefeito teria desistido da candidatura a reeleição por motivos de saúde.

Vale ressaltar que o grupo da situação perdeu alguns importantes aliados, dentre eles, o ex-vereador Leureny Sobrinho (PSDB), atual pré-candidato a vice-prefeito da oposição.

Leia o texto na íntegra:

“Bom dia

Amigos, no tocante à eleição de São Julião,
Dr. Jonas vem fazendo um tratamento em São Paulo, como todos sabem, ainda em abril, ele chamou o Sodson e o Leureny e disse a eles da dificuldade e da complexidade do tratamento que iria em agosto fazer os exames para ver como estava as condições de saúde para ser candidato. Voltou animado, mas quando os exames chegaram não deu positivo e as recomendações do médico é que não seja candidato e a família não quer, pois, o mas importante é a saúde dele.

Dito isso, ele convocou uma reunião com os presidentes dos partidos que fazem nossa coligação, entregou a candidatura a eles e eles pediram oito dias para deliberação com os vereadores e correligionários, que termina dia 09 setembro com a transparência que sempre tratamos. O que fazemos foi mostrado a todos os exames e uma pesquisa que estamos confortavelmente na frente e dito que o prefeito está disposto a apoiar, votar, ajudar e manter todos os compromissos assumidos com o candidato escolhido pelo o grupo.

Das candidaturas:
Dr. Jonas, impossibilitado saúde;
Dr.Samuel, cadeira de rodas;
Ota, irmão, não pode
Carlão, irmão, não pode
Dr. Edilberto, não desemcompatibilizou
Dr. Aluísio, não sei
Dr. Carlos, não desemcompatibilizou.


E finalmente, a decisão que for tomada pelo grupo vai ser acatada, não existe traição, nem abandono, nem reunião secreta com ninguém, tudo que for acontecer todos serão informados como sempre fizemos, em tudo que fazemos. Transferência e respeito”.


Informações dos bastidores:

Essa decisão do médico Jonas Alencar de não concorrer nas eleições municipais de 2020, teria acontecido após uma reunião da ‘familia Alencar’ na sede da empresa ‘Alencauto’ em Picos-PI.

Ainda segundo informações, com a eventual desistência do atual prefeito, correligionários do PSB de São Julião-PI articulam uma possível chapa encabeçada pelo atual presidente da Câmara de Vereadores, João Neto Leal (PSB) e o bioquímico Leonardo Rocha (PSB).

Logo após esse anúncio, especula-se que membros da atual base do prefeito Jonas Alencar (PSB) já estão se articulando para uma adesão massiva na oposição. Possivelmente a qualquer momento lideranças políticas podem romper com o grupo político da situação e declararem apoio a pré-candidata Rufina Isabel (PT)


É importante ressaltar que o prazo para definir os candidatos aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador vai até o dia 16 de setembro, respeitando o novo calendário eleitoral prorrogado pela Emenda Constitucional 107/2020, em decorrência da pandemia de Covid-19. Até o presente momento o Prefeito Municipal de São Julião-PI, Jonas Alencar (PSB) não emitiu nenhum comunicado oficial, confirmando ou negando a sua desistência.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.