Eventos

ONZE CANDIDATOS TEM REGISTROS DEFERIDOS EM TERESINA


Foto: Divulgação/TSE

Dos 13 candidatos que disputam a prefeitura de Teresina nas eleições 2020, onze já tiveram o registro na Justiça Eleitoral aprovado. São eles: Dr. Pessoa (MDB), Fábio Abreu (PL), Fábio Novo (PT), Fábio Sérvio (PROS), Gervásio Santos (PSTU), Gessy Fonseca (PSC), Kleber Montezuma (PSDB), Lucineide Barros (PSOL), Major Diego Melo (Patriota), Pedro Laurentino (UP) e Simone Pereira (PSD).

Os candidatos Mario Rogério (Cidadania) e Lourdes Melo (PCO) ainda aguardam o julgamento dos registros de candidatura.

Nesta sexta-feira (9) teve início a propaganda eleitoral no rádio e na TV. Os programas têm apenas dez minutos e irão ao ar das 7h00 às 7h10 e das 12h00 às 12h10 na rádio e das 13h00 às 13h10 e 20h30 às 20h40 na TV. A propaganda vai até 13 de novembro.

Despesas e Receitas

O sistema da Justiça Eleitoral Divulgacand começou a mostrar os primeiros gastos e receitas dos candidatos na campanha eleitoral deste ano. Fábio Abreu, por exemplo, já gastou R$2.820 e recebeu R$ 1 milhão em doação, recurso oriundo da direção nacional do PL.

O candidato Fábio Novo, até o momento, recebeu R$ 233 mil em doações, sendo R$ 227 mil do diretório nacional do PT.

Fábio Sérvio contratou R$ 2 mil em despesas junto ao Facebook. O candidato já arrecadou R$ 100 mil, sendo 99% doados pelo seu partido.

Kleber Montezuma já gastou R$14.852,95 e recebeu em doações R$ 50 mil.

O Major Diego Melo ainda não teve despesas divulgadas, no entanto, já arrecadou R$ 60 mil.

As despesas de Pedro Laurentino somam até o momento R$1.954,42, com doações na ordem de R$8.237,00.

Os demais candidatos ainda não prestaram contas à Justiça Eleitoral.

Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.