Eventos

FOI UM PRESENTE , DIZ TÉCNICA DE ENFERMAGEM SOBRE VACINA

Atualizada às 17h39

Uma das primeiras a receber a vacina contra a covid-19 no Piauí, a técnica de enfermagem da UTI Covid-19, do Hospital Infantil Lucídio Portella, Modestina Bezerra da Silva, chegou cedo à sede da Secretaria de Saúde do Piauí para a solenidade de lançamento da campanha de vacinação. Emocionada, ela disse que a escolha do seu nome foi um presente de aniversário.

"No 12 de janeiro agora eu fiz 60 anos. Estou muito, muito emocionada. Fiquei muito feliz. É um presente que o Hospital Infantil está me dando em ter feito esse convite pra mim", disse.

Além dela, outros cinco profissionais de saúde também foram vacinados:

O Médico obstetra Joaquim Vaz Parente, de 75 anos, que atua há 45 anos na da Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER), já realizou aproximadamente  20 mil partos em toda sua vida profissional, e fez o terceiro parto da história da maternidade;

Enfermeira Sheyla Barbosa dos Santos de 33 anos, que atua na UTI Covid-19 do Hospital Natan Portella, e foi responsável por receber o primeiro paciente com o vírus na unidade de saúde;

A técnica de enfermagem Marta Regina de Sousa Madeira, de 42 anos, funcionária do Hospital Getúlio Vargas também receberá a dose de CoronaVac;

A técnica de enfermagem da UTI Covid-19, do Hospital Infantil Lucídio Portella, Modestina Bezerra da Silva, de 60 anos, é outra que está entre os profissionais que serão vacinados nesta tarde. Ela é técnica de enfermagem e atua há 35 anos na unidade saúde;

Do Hospital da Polícia Militar será a enfermeira, da ala Covid-19, Ana Maria Brito dos Santos, de 52 anos, ela atua há 26 anos na profissão.

Médica Amariles Borba - diretora de Vigilância em Saúde da Fundação Municipal de Saúde de Teresina (FMS).

Incialmente, o Piauí recebeu do Ministério da Saúde 61.160 doses da vacina CoronaVac. A Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi) esclarece que “serão 28.651 mil doses para profissionais da saúde, 10 para pessoas com deficiência institucionalizadas, 460 doses para pessoas com mais de 60 anos institucionalizadas e 21 para indígenas vivendo em terras demarcadas”.

Foto: Roberta Aline

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.