sexta-feira, 27 de junho de 2014

PREFEITURA DE ARARIPINA SERÁ INVESTIGADA POR SUPOSTO SUPERFATURAMENTO EM FESTEJOS JUNINOS


As denúncias sobre indícios de superfaturamento nas festas de São João não são um ‘privilégio’ apenas de Petrolina. Em Araripina, no Sertão do Araripe, o prefeito Alexandre Arraes (PSB), também tem sido alvo de muitas críticas por conta dos gastos excessivos destinados ao evento deste ano. Os números realmente impressionam. De acordo com as informações, só os gastos dispensados com alugueis de banheiros químicos girariam em torno de R$ 430 mil. 

Além disso, os camarins para receber os artistas alcançam diárias de mais de R$ 6 mil. Pelo menos é o que a prefeitura justificou em suas licitações.

Mas, o ‘arraiá’ com o dinheiro público não para por aí. Como acontece em muitos municípios do Sertão, os maiores gastos são dedicados à estrutura da festa. Em Araripina só a montagem do palco teria custado nada mais, nada menos que R$ 400 mil. Os investimentos foram tão altos que, segundo informações repassadas ao Blog, o Ministério Público (MP) já abriu processo de investigação para apurar os indícios de superfaturamento.

Fonte: Blog Carlos Britto

Nenhum comentário:
Escreva comentários

Posts Recomendados ×