Eventos

SEDUC INICIA FORMAÇÃO PARA IMPLANTAR NOVO CURRÍCULO DO PIAUÍ


Nesta quarta-feira (6), foi realizada a solenidade que marcou o início da formação continuada dos educadores da rede estadual e municipal […]
Capacitação - Foto: Ascom
Nesta quarta-feira (6), foi realizada a solenidade que marcou o início da formação continuada dos educadores da rede estadual e municipal do Piauí. A iniciativa visa a implantação do novo currículo que adota as diretrizes da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). O evento aconteceu no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil,  Seccional Piauí, e contou com contou com a participação de dirigentes municipais de Educação, coordenador regional e municipal ProBNCC e articuladores. As formações visam aprofundar os conhecimentos do novo currículo Piauí e revisar os projetos pedagógicos das escolas, tanto das redes municipais quanto da rede estadual de ensino.
A pactuação entre estados e municípios para o processo de implementação foi assinada pelo secretário de Estado da Educação, Ellen Gera, e pela secretária municipal da Educação de Marcolândia, Armandina Vieira de Araújo que representou a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).
O secretário estadual de Educação, Ellen Gera, ressaltou que o novo currículo alinha-se à BNCC, trazendo o foco para o ensino de competências e habilidades essenciais ao aprendizado dos estudantes. “O currículo do Piauí foi construído em regime de colaboração por todas as redes que compõem a educação do nosso estado, foi homologado pelo CEE e agora iniciamos uma nova fase, a formação. Este documento visa entregar para a comunidade escolar uma atualização à luz da BNCC para que possamos buscar as competências e habilidades que os estudantes têm direito. Hoje, iniciamos a formação do currículo do Piauí para as redes municipais e rede estadual e esperamos que a rede particular participe deste processo”, ressaltou.
O Currículo do Piauí foi construído em 2018 numa colaboração entre a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e a Undime, com mais de 22 mil contribuições por meio consulta online. Após a sistematização, foi a proposta foi entregue ao Conselho Estadual de Educação (CEE), que homologou em 2019, para ser implantada nas salas de aula em 2020.
Armandina Vieira de Araújo, secretária municipal de Educação de Marcolândia, explica que a adoção do documento é importante por ter concretizado a união dos municípios em prol da educação. “A BNCC veio nortear para seguirmos a mesma direção na área da educação, diferente dos regimes anteriores enviados pelo Governo Federal nos quais as secretarias municipais estavam seguindo diretrizes próprias e descentralizando as ações. Com um documento único poderemos alavancar a educação piauiense”, disse a gestora.
Fonte: CCOM



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.