Eventos

DOM PLÍNIO REÚNE CLERO PARA DISCUTIR RETORNO DAS CELEBRAÇÕES PRESENCIAIS NA DIOCESE DE PICOS-PI

O bispo diocesano de Picos, dom Plínio José Luz da Silva se reuniu com o Clero Diocesano, por videoconferência, na manhã do último dia 17 de junho, para discutir sobre a Minuta do Protocolo do Governo do Estado do Piauí que propõe orientações para Igreja Católica.

Fonte: Informa Picos/Ascom Diocese de Picos-PI

O documento, que deve ser publicado em breve, define algumas medidas a serem observadas por ocasião do retorno às celebrações litúrgicas com a participação presencial de fiéis.


Reunião foi por videoconferência/Foto: Divulgação.
As atividades religiosas estão suspensas em Picos desde o dia 18 de março em virtude do decreto 38/2020, que impôs medidas de emergência em saúde pública para o enfrentamento à ameaça de propagação do novo coronavírus, classificado como pandemia.
Em 26 de maio o prefeito Padre José Walmir de Lima (PT), assinou novo decreto permitindo a retomada gradual das atividades religiosas em Picos a partir do último dia 15 de junho, com a observância de várias restrições. No entanto, a Igreja ainda está relutante e continua com as celebrações à portas fechadas, com transmissão virtual.
Debate
No debate de ontem com o clero, dom Plínio falou sobre as orientações contidas na Minuta do Protocolo do Governo Estadual, assim como das orientações da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para as Celebrações Comunitárias no contexto da Pandemia da COVID-19. Ao tornar conhecidas as medidas que devem ser adotadas, o religioso pediu o parecer dos padres e diáconos sobre como elas serão aplicadas no território diocesano.

Catedral de Picos continua fechada no momento das celebrações/Foto: José Maria Barros.
Após os debates, o bispo e o Clero chegaram ao consenso de criar uma comissão para elaborar as orientações diocesanas, tendo como base as sugestões do Governo Estadual e da CNBB. A comissão ficou composta por dom Plínio e os padres Cláudio Santana, Paulo Henrique e Wagner Carvalho.
Ficou decidido neste primeiro momento da reabertura ainda não será possível retomar a realização das festas dos padroeiros, nem os encontros de formação de forma presencial.
A decisão foi que, a partir da oficialização do Protocolo do Governo com indicação de data para retomadas das atividades nas igrejas, as Celebrações Eucarísticas voltem a contar com a participação reduzida de fiéis, tanto nas sedes das paróquias e áreas pastorais, como também nas comunidades do interior, que deverão seguir as mesmas orientações.

Retomada das celebrações presenciais será de forma gradual/Foto: José Maria Barros.
Após a publicação do Protocolo do Governo, dom Plínio fará uma reunião por videoconferência com o Clero, os funcionários e equipes litúrgicas das paróquias e áreas pastorais, para planejarem o processo de retorno às Celebrações Litúrgicas com o povo.






Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.