Eventos

PORTO E SÃO FÉLIX DO PIAUÍ DECRETAM LOCKDOWN NESTE FINAL DE SEMANA


Localizados nas regiões com maior incidência de casos de Covid-19, os municípios de Porto (no Norte) e São Félix do Piauí (no Médio Parnaíba) já decretaram lockdown parcial para este final de semana com reforço no isolamento social e suspensão de quase todas as atividades econômicas. As medidas seguem lei as normas do governo do Estado decretadas nesta terça-feira (30).
Valmir Macêdo/Cidadeverde
“Estamos acompanhando o decreto do governo. Teremos ponto facultativo quinta e sexta, e sábado e domingo lockdown, só farmácias e nada e nada mais aberto no sábado e domingo”, informou o prefeito de São Félix, Jailson Pio (Progressistas).
O município não contava com nenhum caso confirmado mas nesta segunda-feira registrou a primeira ocorrência da doença. Uma mulher veio de Fortaleza para o município e deu entrada na unidade de saúde do município com sintomas da doença. Com quadro delicado, a paciente foi transferida para uma UTI em Teresina, onde se encontra internada.
Localizado a 169 Km ao Norte de Teresina, o município de Porto também decretará lockdown parcial neste sábado e domingo. Segundo o último levantamento da Secretaria Estadual de Saúde, Porto possui 30 casos notificados de infecção pelo novo coronavírus.
Nos dias 4 e 5 de julho, apenas farmácias, postos de combustíveis e o setor de alimentação entrega a domicílio poderão funcionar no município.
I – Farmácias ou Drogarias;
II – Postos de Combustíveis;
 III – Serviços de “delivery”, exclusivo para alimentação;
IV – Serviços de Segurança e vigilância;
V – Serviços de saúde mantidos pelo poder público
O decreto municipal prevê multa para quem descumprir a determinação.
“Aquele que for flagrado infringindo as normas desde Decreto será autuado em flagrante, devendo ser lavrado Auto de Infração Administrativo com a aplicação de Multa de acordo com o Código de Postura Municipal e Código Tributário do Município”, diz o documento publicado nessa segunda-feira (29).
De acordo com as prefeituras, os decretos para reforço no isolamento contarão com o apoio da Polícia Militar.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.